Se eu fosse você, pensaria duas vezes antes de deixar ácido sulfúrico por perto da sua namorada… Esther Afrifa foi condenada a 14 anos de prisão por ter jogado ácido sulfúrico no rosto de seu namorado por achar que estava sendo traída. Após o incidente, ela descobriu que era mentira.ácido 1

A jovem de 28 anos, originária de Gana, comprou um litro de ácido sulfúrico online e derramou sobre seu namorado de 29 anos na casa em que eles moravam, em Wembley (Inglaterra). O ataque aconteceu às 3h30 da madrugada do dia 22 de dezembro de 2019. O caso só foi encerrado quase dois anos depois.

“Cada dia em que acordo é como o dia em que ela me atacou. É como se o tempo tivesse parado. Toda vez que alguém bate à porta, fico com medo de que alguém me machuque. Ela costumava ser meu mundo e ela fez isso comigo. Eu simplesmente não consigo entender isso”, declarou Kelvin ao “Evening Standard”.
ácido

Quando o incidente ocorreu, inicialmente Kelvin não percebeu quem era o responsável. Surpreendido pelo ataque, ele pediu que Esther chamasse a polícia, o que ela apenas fingiu fazer e ainda impediu outro amigo de ligar para o 999. Como se não bastasse, Esther também cancelou o táxi que levaria o namorado ao hospital.

E, para piorar, Esther derramou mais ácido no rosto e no corpo de Kelvin enquanto ele estava deitado no sofá descansando as feridas que já sofrera. Foi quando ele percebeu que Esther era a autora do crime.