É dia de afiar o bico para arrancar gargalhadas da turma no final de semana. São as 10 piadas e histórias engraçadas para contar no findi. Escolha, decore e conte na roda de camaradas. Os leitores que enviaram os textos estão indicados abaixo.

Colaboraram nesta edição, respectivamente: Ivo Altacheres Godoi; Thiago Guedes; Gisele Rosemeri Drawanz; Sirlei Crespani (minha tia); Luiz Padilha; Hélio Amaral (x4).

——————————————————————————————————

Pedindo emprego

Numa vinícola, o provador morreu e o diretor precisou urgentemente de um substituto. Um bêbado esfarrapado, aparência suja, apareceu pedindo emprego. O diretor imaginou como se livrar dele: testando-o!

Deram-lhe um copo de bebida, ele experimentou, e disse:

- É vinho tinto, moscato, três anos de idade, cultivado no norte e maturado em container de aço.

- Está correto – disse o diretor.

Outro copo:

- É vinho tinto, cabernet, oito anos de envelhecimento, cultivado no sudoeste, envelhecido em barril de carvalho.

- Correto!

Um terceiro copo:

- É champagne, alta graduação e exclusivo – calmamente disse o bêbado.

O diretor ficou atônito e pediu a seu secretário alguma sugestão. Este trouxe um copo com urina e o bêbado o experimentou:

- Trata-se de uma loura de 26 anos, grávida de três meses, e se você não me der o emprego eu digo o nome do pai.

——————————————————————————————————

Roubando a igreja

Dois caipiras foram assaltar a Igreja à noite. O padre percebeu o barulho, acendeu as luzes e perguntou:

- Quem está aí ?

Os dois caipiras ficaram calados, então o padre perguntou mais forte:

- QUEM ESTÁ AÍ???

Um dos caipiras respondeu baixinho:

- Nois é anju…

O padre então já desconfiado diz:

- Então voa…

O outro caipira sem titubear responde:

- Nóis é fióti…

——————————————————————————————————

Papo de ladrão

O ladrão entra numa joalheria e rouba todas as jóias da loja. Guarda tudo numa mala e, para disfarçar, coloca roupas em cima.

Sai correndo para um beco, onde encontra um amigo, que pergunta:

- E aí, tudo jóia?

- Que nada! Metade é roupa…

——————————————————————————————————

Te conheço?!

Num julgamento em Lins , o Promotor de Justiça chama sua primeira testemunha, uma velhinha de idade bem avançada. Para começar a construir uma linha de argumentação, o Promotor pergunta à velhinha:

-Dona Genoveva, a senhora me conhece, sabe quem sou eu e o que faço?

- Claro que eu o conheço, ! Eu o conheci bebê. Só chorava, e francamente, você me decepcionou… Você mente, você trai sua mulher, você manipula as pessoas, você espalha boatos e adora fofocas… Você acha que é influente e respeitado na cidade, quando na realidade você é apenas um coitado. Nem sabe que a filha esta grávida, e pelo que sei, nem ela sabe quem é o pai. Ah, se eu o conheço! Claro que conheço!

O Promotor fica petrificado, incapaz de acreditar no que estava ouvindo. Ele fica mudo, olhando para o Juiz e para os jurados. Sem saber o que fazer, ele aponta para o advogado de defesa e pergunta à velhinha:

- E o advogado de defesa, a senhora o conhece?

A velhinha responde imediatamente:

- O Robertinho? É Claro que eu o conheço! Desde criancinha. Eu cuidava dele para a Marina, a mãe dele, pois sempre que o pai dele saia, a mãe ia pra algum outro  compromisso. E ele também me decepcionou. É preguiçoso, puritano, alcoólatra e sempre quer dar lição de moral nos outros sem ter nenhuma para ele. Ele não tem nenhum amigo e ainda conseguiu perder quase todos os quatro processos em que atuou. Além de ser traído pela mulher com o mecânico… com o mecânico!!!

Neste momento, o Juiz pede que a senhora fique em silêncio, chama o promotor e o advogado perto dele, se debruça na bancada e fala baixinho aos dois:

- Se algum de vocês perguntar a esta velha filha da p#ta se ela me conhece, vai sair desta sala preso… Fui claro???

——————————————————————————————————

A Diferença entre ‘i’ nos EUA e “i” no Brasil

” i” Na Vida dos Americanos:

iPhone, iPod, iPad, iMac, i30, iBM, intel

” i” Na Vida dos Brasileiros:

iPTU, iPVA, iCMS, iSS, iNSS, iRPF, iPI, iOF…

——————————————————————————————————

Comeu feijão

Um homem tinha verdadeira paixão por feijão, mas ele lhe provocava muitos gases, criando situações embaraçosas. Um dia ele conheceu uma garota e se apaixonou.

Mas pensou: “Ela nunca vai se casar comigo se eu continuar desse jeito.”

Então fez um sacrifíCio enorme e deixou de comer feijão. Pouco depois os dois se casaram.

Passados alguns meses, quando ele voltava para casa, seu carro quebrou. Ele telefonou para a esposa e avisou que ia chegar mais tarde, pois voltaria a pé. No caminho de volta para casa, passou por um restaurante e o aroma maravilhoso do feijão lhe atingiu em cheio.

Como ainda estava distante de casa, pensou que qualquer efeito negativo passaria antes de chegar. Então entrou e comeu três pratos fundos de feijão.

Durante todo o caminho, foi para casa peidando, feliz da vida. E quando chegou já se sentia bem melhor.

A esposa o encontrou na porta e parecia bastante excitada. Ela disse:

- Querido, o jantar hoje é uma surpresa.

Então ela lhe colocou uma venda nos olhos e o levou até a mesa, fazendo-o sentar-se na cabeceira. Nesse momento, aflito, ele pressentiu que havia um novo peido a caminho.

Quando a esposa estava prestes a lhe remover a venda, o telefone tocou ela foi atender, mas antes o fez prometer que não tiraria a venda enquanto não voltasse. Ele, claro, aproveitou a oportunidade. E, assim que ficou sozinho, jogando seu peso para apenas uma perna, soltou um senhor peido.

Não foi apenas alto, mas também longo e picotado. Parecia um ovo fritando.

Com dificuldade para respirar, devido a venda apertada, ele tateou na mesa procurando um guardanapo e começou a abanar o ar em volta de si, para espantar o cheiro. Mas, logo em seguida, teve vontade de soltar outro.

Levantou a perna e… RRRRRRRRRRRROOOOOOOOOOOOUUUUUUUUUUMMMMMMM!!…

Esse, então, soou como um motor a diesel pegando e cheirou ainda pior! Esperando que o odor se dissipasse, ele voltou a sacudir os braços e o guardanapo, frenéticamente, numa animada e ridícula coreografia.

E quando pensou que tudo voltaria ao normal, lá veio a vontade outra vez. Como ouvia a mulher, lá dentro, continuando a falar no telefone, não teve dúvidas: jogou o peso sobre a outra perna e mandou ver.

Desta vez merecia medalha de ouro na categoria. Enxofre puro.

As janelas vibraram, a louça na mesa sacudiu, e em dez segundos as flores no vaso sobre a mesa estavam mortas.

Ouvido atento a conversa da mulher no telefone, e mantendo a promessa de não tirar a venda, continuou peidando e abanando os braços por mais uns três minutos.

Quando ouviu a mulher se despedir no telefone, já estava totalmente aliviado. Colocou o guardanapo suavemente no colo, cruzou as mãos sobre ele e chegou a sorrir vitorioso, estampando no rosto a inocencia de um anjo.

Então a esposa voltou a sala, pedindo desculpas por ter demorado tanto ao telefone, e lhe perguntou se ele havia tirado a venda e olhado a mesa de jantar.

Quando teve a certeza de que isso não havia acontecido, ela própria lhe removeu a venda e gritou:

- SURPRESAAAA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

‘E ele, finalmente, deu de cara com os doze convidados sentados a mesa para comemorar seu aniversário de casamento!!!

——————————————————————————————————

Desenho na aula

A professora diz aos alunos para desenharem o órgão sexual feminino.

Porém, uma aluna, sentindo-se incapaz de fazer o desenho, abriu as pernas pra dar uma olhadinha debaixo da saia.

Um colega de sala vê e grita:

- Fessôra, ela tá colando!!

——————————————————————————————————

O traidor

O amigo pega o outro no banheiro fazendo xixi sentado no vaso sanitário:

- Mas o que é isto? Você sabe que homens fazem xixi em pé! O que houve contigo?

- É que segunda passada saí com uma loira, 1.80m , seios fartos e uma bunda inacreditável! Na hora H eu brochei! Na terça saí com uma morena,19 aninhos, ninfetinha, uma delícia!!! Na hora H, brochei! Na quarta foi com uma ruiva gostosona! Brochei! Na quinta com uma coroa maravilhosa! Brochei também…

O amigo, intrigado, lhe pergunta:

- Tudo bem, brochar faz parte, mas por que mijar sentado?

- Depois de tudo isto, você acha que eu ainda vou dar a mão para este filho da p#ta??

——————————————————————————————————

Tempo de eleição

Em tempos de eleição, dois candidatos mineiros adversários, um da cidade – o “Coroné” -, e outro caipira – o “Mineirim”, se encontram na mesma barbearia. Lá sentados, lado a lado, não se falou palavra alguma. Os barbeiros temiam iniciar qualquer conversa, pois poderia descambar para discussão, e o Coroné só andava armado.

Terminaram a barba de seus clientes, mais ou menos ao mesmo tempo. O primeiro barbeiro estendeu o braço para pegar a loção pós-barba e oferecer ao Coroné, no que foi interrompido rapidamente por seu cliente:

- Não, obrigado. A minha esposa vai sentir o cheiro e pensar que eu estive num puteiro.

O segundo barbeiro virou-se para o Mineirim:

- E o senhor? – indagou.

- Uai, popassá, sô! A minha muié num sabe memo como é cheiro de puteiro… Nunca trabaiô pur lá…

Dizem que a barbearia está fechada até hoje, para reforma.

——————————————————————————————————

Jesus operando

O bêbado passa em frente a um templo evangélico e escuta o maior barulho, gente chorando, gritando, desmaiando, berrando, estremecendo.

Ele pergunta a alguém que está na porta:

- Que é que está acontecendo aí dentro?

- Jesus está operando, irmão!

E o bêbado:

- Esse cara não usa anestesia não??

——————————————————————————————————

Enviadas pelos leitores

Comentários facilitados: para quem ainda não percebeu, o blog não está mais exigindo cadastro para comentar. Deixe sua opinião!

Twitter: recebe as atualizações dos blogs. Sigam-nos os bons!
@crespani
@naocliqueaqui