Uma perseguição de charrete mudou a rotina de Águas Mornas, a 40 quilômetros de Florianópolis, hoje pela manhã. O sargento João Carlos Pawlick, da Polícia Militar, e o cabeleireiro Ariovaldo Orlandini salvaram dois idosos e a neta deles do que poderia ter sido um grave acidente de charrete.

O sargento foi de carona no Passat de Orlandini atrás da charrete desgovernada. Em determinado ponto da perseguição, Pawlick teve que saltar do carro em movimento sobre os dois cavalos que puxavam a charrete, até conseguir pará-los.

O sargento estava de folga. Ele viu a charrete desgovernada e o casal gritando por socorro às 11h, quando estava com os dois filhos no salão de Ariovaldo, no Centro da cidade, esperando para cortar os cabelos.

Postado por Graziela, Florianópolis