A maior Convenção de Nerds do mundo é a San Diego Comic Con. Originalmente concebida como uma convenção para histórias em quadrinhos ela acabou crescendo e expandindo e já há algum tempo é o principal local para estúdios de Hollwood, canais de TV e até mesmo editoras de HQ mostrarem seus principais lançamentos.

Elencamos aqui o que de mais legal, interessante, ultrajante ou mesmo chocante rolou nesta edição da San Diego Comic Con

1. Liga da Justiça

O primeiro trailer do filme da Liga da Justiça mostra Batman (interpretado por Ben Affleck) recutando os integrantes da maior equipe de heróis do mundo. Interessante que o tom do trailer indica que haverá humor e leveza no filme, indo contra tudo que Zack Snyder tem feito até agora.

Justice-League-Assembled_1200_809_81_s

Snyder foi intensamente vaiado quando apareceu no painel da DC, mas Ben Affleck teve recepção calorosa. Aparentemente o Batman foi bem aceito pelos fãs.

E olha, que trailer interessante. Parecem até haver alguma química entre os personagens. Não achei que isso fosse possível em filmes de heróis da DC. Há alguma esperança, afinal.

2. Mulher-Maravilha

O trailer do filme da Mulher-Maravilha, por outro lado, é glorioso. Direção de arte e figurinos impecáveis, diálogos interessantes, personagens que parece que vieram de algum lugar e que pretendem ir a algum lugar. Este filme pode ser para o a DC o equivalente de Capitão América – Primeiro Vingador, uma pedra fundamental de início de mitologias (neste caso, literalmente) e cronologias para toda uma série de filmes.

(E traz à tona a velha discussão de que talvez as histórias de super-heróis tenham um lugar melhor em épocas que não sejam o hoje).

As cenas de ação são impressionantes. Junho de 2017, por favor chegue logo.

E que pôster espetacular, meudeusdocéu:

Wonder-Woman-Poster_1200_1778_81_s

3. Doutor Estranho

O 2º trailer do filme do Doutor Estranho continua com a missão de apresentar um personagem do 3º escalão da Marvel para o público de cinema. E faz isso muito bem! Neste trailer vemos Stephen Strange e sua jornada de autoconhecimento em busca das artes mágicas. A mistura de Harry Potter, Inception e Super-heróis continua fazendo sentido num trailer que tem algums dos melhores atores da atualidade.

(Se tem alguém que consegue atuar fingindo que é um mago em uma batalha no plano astral e ainda manter a aparência que está tudo bem esse alguém é um ator britânico).

Doutor Esranho estreia em novembro de 2016.

4. Luke Cage

A terceira série da Marvel em parceria com a Netflix ganhou trailer completo. Depois de Demolidor e de Jessica Jones é a vez de Luke Cage, o herói de aluguel indestrutível do Harlem, que ganha série. (Da mesma maneira que Dr. Estranho, Luke Cage é um herói menos conhecido do universo Marvel, e é bom para ele que esteja na Netflix, onde a preocupação com bilheteria e audiência não existem.

Isso e o fato de já ter sido apresentado na série da Jessica Jones ajudam bastante.

Mas o trailer é demais! Imagino que vá ter o mesmo estilo visual de Jessica Jones, mas com mais elementos da cultura afro-americana. E hip-hop. Os efeitos visuais são provavelmente mais simples também, já que o poder de Luke Cage é bem menos complexo do que o do Demolidor, por exemplo.

E com tudo que está acontecendo nos EUA ultimamente, será muito interessante ver uma série com um negro a prova de balas.

5. Punho de Ferro

Vimos apenas um teaser muito rápido de como será a quarta série da Marvel com a Netflix, desta vez com o herói Punho de Ferro. A história dele é semelhante ao do Doutor Estranho: homem branco norte-americano perde tudo que tem e recorre a antigos ensinamentos orientais para se encontrar. Só que no caso Danny Rand desenvolve seu chi, com artes marciais e a habilidade concentrar seus poderes em um golpes mortais.

6. Os Defensores

Todas as séries da Marvel na Netflix convergem para a série Defensores, que irá juntar Demolidor, Jessica Jones, Luke Cage e Punho de Ferro em um super-grupo que atua em Nova Iorque contra os criminosos.

O teaser é apenas uma apresentação da premissa ao som de “Come As You Are”, do Nirvana. Algo que promete apenas pela ideia, mas sem apresentar nada.

7. Capitã Marvel

Um dos anúncios mais comemorados da San Diego Comic Con foi que a Marvel fará um filme da Capitã Marvel, e que Brie Larson estará no papel principal.

captain_marvel_2

Larson ganhou um Oscar pelo filme “O Quarto de Jack” e twitou de sua conta pessoal o anúncio.

Screen Shot 2016-07-25 at 5.53.59 PM

Isso coloca o “futuro” da Marvel nas mãos talentosas de atores como Larsom, Benedict Cumberbatch, Tom Holland e Chadwick Boseman. Nada mal, hein.

8. Guardiões da Galáxia

O diretor James Gunn recentemente terminou as filmagens de GoG, mas optou por não mostrar muitos materiais na Comic Con. Por ser um filme altamente dependente de computação gráfica mostrar qualquer coisa agora seria apenas um convite ao ceticismo e às críticas dos fãs mais chatos.

MAS revelou-se qual o papel que Kurt Russell interpretará no filme: o pai do personagem Starlord, interpretado por Chris Pratt.

O mais interessante é que ele interpretará Ego, O Planeta Vivo. Ego é um personagem clássico da Marvel. E é realmente um planeta. (Pelo menos nos quadrinhos). Nos filmes ele terá um pênis (segundo o diretor) e terá o seguinte visual:

Screen Shot 2016-07-25 at 5.51.40 PM

 

9. Kong Skull Island

Mais um filme que conta a historia de King Kong. Mas pode ser que este seja o melhor King Kong de todos. Que trailer sensacional, há uma gravidade, um peso no trailer, que mesmo nos momentos em Kong não aparece (isto é, quase todos) você sente sua presença, o medo que ele imprime.

O filme tem sido definido como um Apocalypse Now + King Kong, com Kong no papel do Coronel Kurts. Não consigo pensar numa frase melhor para me deixar totalmente interessado neste filme. Ainda mais com esse elenco.

10. Rei Arthur

Mais um filme que conta a história do Rei Arthur. Mas pode ser que este seja o pior Rei Arthur de todos. ou talvez tenham tentado fazer o pior trailer de todos os tempos. Só o tempo dirá.

Guy Ritchie – o homem de um filme só – traz mais uma vez sua estética de Jogos, Trapaças e 2 Canos Fumegantes; mas desta vez para a corte de Camelot. Não sei nem o que falar. Nada faz sentido no trailer, nenhum personagem parece concatenar uma ideia coerente.

Mas claro, a edição vai ser rápida, as cenas de lutas serão energizadas, haverá duas piadas boas. O de sempre.

11. The Killing Joke

A lendária HQ do Batman escrita por Alan Moore e desenhada por Brian Bolland em que o Coringa dá um tiro na espinha da Batmoça deixando-a paraplégica e (talvez, depende da interpretção) a estuprando em seguida virou desenho animado.

No estilo de animação da série animada Batman Adventures.

Porque claro, porque não pegar algo que foi feito para crianças e manchar isso com uma história adulta do Batman?

Mas daí, os criadores pensaram: “hum, como podemos traumatizar as crianças ainda mais?”

Daí eles fizeram o Batman e a Batmoça transarem.

Isso é errado. Isso é muito errado.

12. Lego Batman

Diversão. Diversão. Diversão. Por outro lado o trailer do filme do Batman em estilo Lego é das coisas mais divertidas que já fizeram. Ou isso ou inalamos algum gás do Coringa, vai saber.

13. Criaturas Fantásticas e Onde Encontrá-las

Um trailer com mais informaçnoes sobre a história! E mais personagens! Eu estava realmente receoso com este filme, mas agora já acho que pode ser um dos grandes filmes da franquia Harry Potter.

14. Legion

Uma série produzida pelo canal FX e dentro do universo de mutantes (ou seja: X-Men) da Marvel.

Nas HQs Legion é David Haller, o super-mutante filho do Professor Xavier. (Inclusive em uma história memorável voltou no tempo para matar Magneto e acabou matando o próprio pai, gerando uma realidade alternativa em que, sem Xavier para liderar os X-Men, o vilão Apocalypse controlou todo o planeta terra.)

Essa série não explica ainda muito bem o que será, do que se alimenta e onde vive Legion. Mas a direção de arte e os efeitos visuais parecem excelentes. No aguardo de mais informações!

15. American Gods

A série do canal Starz (Spartacus e Outlander) baseado no livro de Neil Gaiman ganhou um trailer altamente esperado por quem estava na Comic Con.

Trabalhando com a premissa de que os deuses retiram o seu poder da crença do povo, o protagonista Shadow – ele mesmo um homem misterioso – se vê entre uma guerra entre os deuses antigos e os deuses novos, movidos pelas crenças modernas. (Como tecnologia, por exemplo)

16. Divergente

Em um movimento combalido e meio que melancólico os produtores da série Divergente informaram que o último filme da série de filmes de distopia adolescente não deverá ser exibido nos cinemas, indo direto para a TV.

Talvez tenhamos uma tendência aí: o fim dos filmes adolescentes de fantasia distópica. Isso seria algo inesperado.