Este texto não contém spoilers. Eu acho.

 

Na sexta-feira passada (20/11) a Netflix disponibilizou toda a primeira temporada da série Jessica Jones. Mais uma série feita em parceria com a Marvel, Jessica Jones continua contando as histórias do núcleo mais urbano de heróis da editora, com um foco em criminosos menores, mais realistas, menos “cósmicos”, que são combatidos nas ruas de Nova Iorque.

jessica-jones-throwing

Em Demolidor a parceria já se mostrou acertada, com um roteiro mais denso e sombrio do herói cego que combate o crime vestido de demônio a noite.

Mas em Jessica Jones essa teoria foi expandida, com uma personagem que nem parece uma heroína. Jessica Jones é cheia de defeitos, alcoólatra, não sabe usar direito seus poderes, quase não tem amigos, não confia nas pessoas, as pessoas não podem confiar nela, nem sempre sabe o que é o certo a fazer e pode ter alguns segredos no seu passado que são constrangedores no mínimo e criminosos no máximo. Por acaso ela tem super-poderes. Mas sinceramente, poderia não ter. Daria na mesma.

7-policiaca-etonlinecom

E a série é muito boa.

2015Marvel_JessicaJones_Getty474823804090915.article_x4

A personagem Jessica Jones não é muito nova no universo Marvel. Foi criada nos quadrinhos pelo escritor Brian Michael Bendis em 2001 com uma origem “retcon” (num esforço de retro-continuidade, a personagem foi encaixada nas histórias como se sempre tivesse existido; com uma carreira medíocre como super-heroína, ligações com o Homem-Aranha, os Vingadores e o Homem-Formiga – o segundo Homem-Formiga, não o primeiro – e a decisão de se tornar uma investigadora particular em NY). Ganhou uma revista própria (chamada Alias, com suas histórias publicadas na antiga revista Marvel Max no Brasil) e depois outra revista própria (chamada The Pulse). Após isso a personagem casou com Luke Cage, teve uma filha com ele (Danielle) e vive aventuras nas HQs dos Vingadores (grupo do qual Luke Cage acabou fazendo parte).

tumblr-mzxt5yjmqr1ser9m9o1-500-116128

 

Screenshot-2014-11-19-at-4.13.08-PM

A série – entretanto – foca na primeira parte da vida de Jessica Jones, quando ela ainda é investigadora particular com um escritório numa pocilga, com problemas de alcoolismo e relacionamento, grana (falta de), clientes bizarros e um vilão potencialmente perigoso que volta para assombrá-la. O conteúdo é adulto (tem violência, álcool, sexo, destruição, auto-destruição e linguagem não-infantil). Vocês foram avisados.

tumblr_ny12ynzPJw1uhnwvfo1_500

 

jessica-jones-door-window

 

jessica-jones-flies

Com esta série, o Universo Televisivo da Marvel na Netflix se expande. Junto com Demolidor temos outra heroína na área. Em 2016 foram prometidas as séries do Luke Cage (que deverá ter participação especial da própria Jessica Jones) e do Punho de Ferro; além das segundas temporadas de Demolidor e Jessica Jones. Tudo indica que teremos a formação de mais um super-grupo da Marvel, os Defensores.

469735950