Às vezes as pessoas contam coisas pra gente que tomamos como verdade e muitas delas são mitos, como estes aqui sobre tecnologia:

1 – Mais megapixels significam uma câmera melhor

Quando você compra uma câmera você sempre procura por aquela que tem mais Megapixels, não é? Mas na verdade não funciona bem assim, a qualidade de uma foto é determinada em grande parte pela quantidade de luz que o sensor da câmera é capaz de absorver, e não pela quantidade de pixels do dispositivo. O que realmente importa é o tamanho dos pixels, e não seu número.

2 – Quanto mais barras de sinal, maior a velocidade da internet

Você está lá no Whatsapp de boa e as barras da internet começam a baixar e você começa a pensar que está perdendo velocidade né? Mas você está errado, as barras de sinal não garantem necessariamente uma boa recepção, elas apenas indicam que o usuário está perto de uma torre de celular. Outros fatores interferem na velocidade da internet, como o número de pessoas que utilizam a mesma rede, por exemplo.

3 – Macs não pegam vírus

Se você comprou um Mac na esperança de não pegar um vírus, você está enganado, é realmente muito difícil de um malware afetar um Mac, mas em 2012, por exemplo, um Trojan afetou milhares de computadores Mac, o que causou até uma mudança na estratégia de marketing da companhia. Na dúvida, é sempre bom ficar atento e usar a internet com segurança.

4 – Quanto maior a tela do smartphone, melhor resolução

Tem gente que compra aqueles smartphones gigantes achando que terão maior resolução na tela, mas na verdade alguns especialistas afirmam que em determinado ponto, a resolução da tela simplesmente não faz diferença, já que o olho humano não consegue discernir melhorias na imagem quando ela ultrapassa 300 pixels por polegada.

5 – Carregar o celular só quando a bateria acabar completamente

Se você acha que é melhor carregar o celular quando a bateria está completamente descarregada, na verdade é o contrário, pode ser melhor ainda carregar o dispositivo antes de a bateria ser drenada totalmente. As baterias têm um número limitado de ciclos de carga antes de perderem a capacidade de reter energia. Os ciclos são definidos como o carregamento de um aparelho de 0 a 100% de sua capacidade. Por isso, não fique preocupado: carregar com um pouco de bateria evita “gastar” mais um ciclo completo.

6 – Navegar em modo anônimo garante ao usuário real anonimato

Quando você coloca lá (no Google Chrome) o CTRL + SHIFT + N, você abre o modo de navegação anônima que é nada mais, nada menos que o navegador não vai guardar o histórico de navegação, importar os favoritos ou entrar automaticamente nas contas do usuário. Apesar de evitar que outras pessoas saibam o que é acessado, o recurso não mantém a identidade oculta nos sites visitados.

avatarpodcast_infosfera