1

Nesse domingo, foi dia das mães. E quem apostou que o último dia de evento teria um número muito menor do que o anterior, se arrependeu.

A FIERGS mais uma vez ficou minúscula pela quantidade de pessoas que circularam por lá. O número foi um pouco menor, mas ainda assim, muito difícil de caminhar. Com certeza os 3 dias ultrapassaram os 30 mil visitantes.

2

No palco principal, não tivemos muitas surpresas. Carlos Seidi, Mauricio CID do blog Não Salvo, Kami e S7ven. Damiani, Satty e Caue Moura foram os destaques, mas como já deram uma passada no dia anterior, eles responderam praticamente as mesmas perguntas. Para quem não compareceu nos 3 dias, foi muito bom saber mais sobre seus ídolos da web.

Mas a coisa ficou seria mesmo no Palco WEB…

3

Quando nossa equipe estava indo em direção ao Palco WEB, nos deparamos com uma muralha de pessoas que atravessava o ginásio. Uma fila que parecia interminável, pois não se enxergava o final. Ao perguntarmos para o que era, eis que a resposta era:  Isis Vasconcelos

4

5 6

Finalmente as credenciais de imprensa funcionaram. Se nos dias anteriores, havia seguranças que diziam precisar de fina dourada, ou prateada, ou simplesmente diziam que era proibida a nossa entrada nas nos palcos superiores, desta vez, só nos olhavam e diziam: “vocês podem entrar”.

Muito estranho que na sexta-feira que era o dia das entrevistas, nós fomos barrados em vários momentos (o próprio Palco WEB, por exemplo), e no último dia isso nem existiu. Mas enfim… vamos ao que interessa.

É muito interessante, e divertido ver o carinho e a paixão que a galera tem hoje tem por essa nova categoria de ídolos: Youtuber.

Pois o palco WEB estava recheado deles: Celbit, Malena0202, Haru (Claudia Andriole), Júlio Cocielo, Spok, Lucas e Gabriel do canal 7Minutoz, Muca Muriçoca e a encantadora Isis Vasconcellos.

Todas as fotos vocês podem ver AQUI

Quem foi, tinha que ir com os ouvidos preparados, pois era muita gente gritando, chorando, foi uma loucura. Que o diga César e Ricardo que foram literalmente esmagados na porta de saída dos convidados. Não se sabe ainda como eles conseguiram recuperar parte de seus corpos que ficaram por lá. As meninas gritavam por Celbit enquanto os marmanjos suspiravam com as canções de Isis.

E pra finalizar o dia, já na Arena Games rolou um empolgante campeonato de Street Figther IV e Naruto Shippuden: Full Burst.

Vocês podem ver melhor como era arena, nos vídeo da NGG.

E no palco principal rolou o concurso de desfile masculino e feminino de Cosplays. Veja mais algumas dessas fantásticas fantasias que melhoram de qualidade a cada ano.

7

11

10

9

8

12

Em resumo, o evento começou bem confuso, cheio de desinformações, até mesmo para nós da imprensa. Nós não sabíamos o que fazer nos primeiros dias, já que éramos barrados em quase tudo. Mas ainda bem que o evento foi em uma crescente. Se nos primeiros dias estamos um pouco desanimados, no último foi um êxtase. O tempo passou muito rápido, com tanta coisa que aconteceu. Realmente o melhor ficou para o final.

Ainda tem muito o que melhorar. O evento cresce a cada ano que passa, e precisam inovar. Falta um espaço para desenhistas, um espaço para trabalhos independentes como quadrinhos, algo que motive os novos jovens que cada vez mais querem entrar nesse ramo de quadrinhos, animações, dublagem, atores, etc.

Nos anos em que eu fui com stand, para divulgar meus quadrinhos, ilustrações, foram dois dias de fotos, entrevista, desenhos e dedicatórias. Pessoas querendo saber como se tornar um desenhista, aprender.

Mas o preço é exorbitante. Pensar menos no dinheiro, e mais no público, que é o que enche o evento. Pois não é caro apenas para o público que visita, é caro também para os expositores.

Agora AnimeXtreme apenas no final do ano, e esperemos novidades e melhorias. E a NGG/ Infosfera vai estar lá, de olho em tudo.

Acompanhe o canal do Nova Geração Games no YouTube e nas redes sociais!

Vídeos e Imagens: Ricardo Carvalho e Letuza Oliveira

Entrevistas: César Oliveira

YouTube: Nova Geração Games

Twitter: @novaggames

Facebook: NGG

(por Raphael Cardoso)