A Mercury Songs Limited, proprietária dos trabalhos solo de Freddie Mercury, entrou com um pedido para registrar sua marca para ambientes 3D e de realidade virtual. A notícia foi lançada pelo jornal The Sun que, neste domingo (25), anunciou ter obtido um documento que comprova a solicitação da empresa. Com isso, as especulações da imprensa britânica foram intensificadas. Acredita-se, de fato, que um espetáculo com o avatar digital do vocalista de Queen pode ser anunciado em breve.

Holograma de Freddie Mercury

A publicação diz que o saudoso cantor deve ser recriado digitalmente para retornar aos palcos como um avatar. Seguirá a mesma dinâmica do bem-sucedido show “ABBA Voyage”, que vem emocionando o público britânico. A tecnologia seria a mesma que o Kiss estuda adotar no seu show digital previsto para 2027.

hq720

A informação foi bastante repercutida no Reino Unido com diversas publicações lembrando que há dois anos o guitarrista Brian May chorou após realizar um dueto de “Love Of My Life” com uma ilusão de ótica de Freddie durante a turnê do Queen com Adam Lambert.

No entanto, quando se trata do Queen ter seu próprio show de holograma, Brian já admitiu que gostaria que isso acontecesse somente quando ele e os demais integrantes já não estivessem mais por aqui.

Em uma participação no podcast “The Graham Norton Radio Show”, no ano passado, ele disse:

“Conversamos e analisamos hologramas de Freddie. Nós amamos estar perigosamente vivos. E é isso, essa é a nossa ênfase. Agora, quando todos nós formos embora, sim, com certeza, façam uma coisa do tipo ABBA sobre nós, mas enquanto estivermos aqui eu quero tocar ao vivo”.

Dito isso, vida longa ao Queen!

Leia também: NATIRUTS ANUNCIA FIM DA BANDA E TURNÊ DE DESPEDIDA; CONFIRA AS DATAS.