Uma nova versão do icônico logo com lábios e língua de fora, dos Rolling Stones foi divulgada esta semana.

O novo símbolo foi criado pelo artista Shepard Fairey. O antigo, foi usado pela primeira vez em 1971, no álbum Sticky Fingers, e foi criado por um estudante de artes londrino, John Pasche, já que Mick Jagger não estava contente com as versões feitas por sua gravadora.

De acordo com a revista Rolling Stone, Pasche disse que tentou criar algo que “representasse a atitude antitotalitária da banda” com as “óbvias conotações sexuais da boca de Mick Jagger”.