fw cel

Tá todo mundo de olho nas fashion weeks das capitais da moda mundial: Londres, Nova York, Milão e Paris. Tá realmente lindo e vamos falar sobre isso por aqui também. Mas, meu mapa astral é cheio de planetas, tem lua e ascendente em aquário, o signo mais do contra do zodíaco, por isso resolvi trazer outras fashion weeks ao redor do mundo para observarmos: pode não vestir as celebridades globais em noites de red carpet, mas tem muita inspiração e coisa linda pra gente admirar.

#1 Mercedez Benz Fashion Week – Sydney – Austrália

O estilo australiano não é tão diferente do brasileiro. Lá tem praia, tem gente ‘de boas’, tem calor. Verdade que o país foi uma colônia inglesa e não tem o borogodó – e ousadia – que só os latinos têm, mas é um estilo despojado, tranquilo, lembra um pouco o brasileiro.

Nossos designers preferidos: McGraw, Discount Universe (Miley Cyrus e Kylie Jenner usam), Camilla Kaftan Franks e Ginger & Smart.

aussiefw

#2 Amazon India Fashion Week – Nova Deli – Índia

Amo as semanas de moda na Índia por elas serem exatamente aquilo que imaginamos que ela é. Saris brilhosos, bordados dourados, acessórios daqueles cheio de correntes juntando uma argola no nariz com outra na orelha, atrizes de Bollywood… Mas também muita coisa moderna e usável no mundo inteiro, sempre com o tempero e cores indianas. Tudo lindo, muito lindo.

Nossos designers preferidos: Shaline James, Poonam Dubey, Anupama Dayal e Virtues by Viral, Ashish & Vikrant

indiafw

 

#3 Mercedes Benz Fashion Week – Moscou- Rússia

O que eu mais gosto de observar nos desfiles dos designers russos é como eles conseguem dar leveza e as vezes até ironia, e ao mesmo tempo manter o ar sisudo e gelado que o país, tradicionalmente, têm. As cores não são muitas, os tecidos são pesados, mas fica harmônico e bonito de ver.

Designers preferidos: Slava Zaitsev, Viva Fox e Sorry I’m Not.

russiafw

#4 Berlin Alternative Fashion Week – Berlim – Alemanha

Berlin tem sua fashion week oficial, a Mercedes Benz Fashion Week Berlin, mas se tratando de uma cidade com uma cena alternativa tão forte, uma contracultura tão presente, a mistura de estilos e uma carga cultural e histórica pesada e transformada em arte, não podíamos deixar de trazer a semana de moda alternativa de Berlim. É incrível justamente por não ter regras, padrões e por não precisar obedecer um formato. Os desfiles são instalações, tem dança, tem teatro. As roupas carregam mensagens e protestos. É moda realmente próxima da arte.

Não vou nem arriscar falar de designers preferidos. Entra no site e veja você mesmo: berlinalternativefashionweek.com

berlinalternative

#5 Bogotá Fashion Week – Bogotá – Colômbia

Nem só de Narcos vive a nossa vizinha Colômbia. Das semanas de moda latinas, a que eu mais gosto – e que tem relativa expressão – é a colombiana. É verdade que o México tem uma semana de moda mais organizada, com mais designers, e com um perfume mais global, e é exatamente por isso, que eu prefiro a colombiana: tem toda a latinidade do nosso continente de uma forma ainda inicial – tanto que em 2015, artesãos foram convidados especiais nos desfiles, por reconhecimento de fazerem parte de uma cadeia muito grande da moda colombiana – e latina. Técnicas manuais de indígenas no país, como o crochê Wayuu e as Molas, muito comuns no norte do país (a primeira na fronteira com Venezuela e a segunda com o Panamá), aparecem nos desfiles.

Designers preferidos: Amelia Toro, Juan Pablo Socarras, Marta Arredondo e Dario Cardenas

colombiafw

#6 Seoul Fashion Week – Seul – Coreia do Sul

Assim como na Colômbia, a fashion week de Seul é mais uma fashion week que exalta a carga cultural de sua religião, mas não tanto de forma artesanal, mais com estampas digitais e modelagens. É moderna, alternativa e jovem. Divertida, colorida, mas sem perder a identidade asiática.

Designers preferidos: Irene Kim, Kye, Lucky Chouette e SJYP

seoulfw

Instagram ATL Girls